Grupo francês estima vendas globais de carros elétricos e híbridos de 350.000 unidades neste ano

Enquanto trabalha para lançar novos modelos eletrificados no mercado, a Renault estima que as vendas de carros elétricos e híbridos devem dobrar em 2021, segundo matéria divulgada nesta quinta-feira (18) pela agência Reuters.

De acordo com a publicação, fontes ligadas à Renault deram essa informação e alguns detalhes que ainda não foram divulgados de forma oficial. A estimativa inclui as vendas do Grupo Renault e todas as suas marcas, incluindo a romena Dacia, que acaba de lançar na Europa o Spring Electric, versão elétrica do Renault Kwid.

Renault Zoe 2020

Enquanto expande sua linha de carros elétricos e híbridos, a marca francesa segue um movimento que envolve as grandes montadoras na Europa, com muitas delas já anunciando datas para encerrar o desenvolvimento de carros e/ou motores com motores a gasolina e a diesel, como é o caso da MINI e da Audi, por exemplo.

Um dos principais motivos é a regulamentação antipoluição cada vez mais rigorosa no Velho Continente, já que os carros híbridos plug-in sozinhos não serão suficientes para ajudar as montadoras a atingirem as metas de emissões de CO2. Nesse cenário, Tesla e Volkswagen saem na frente em termos de vendas, se comparadas às demais marcas, ao menos por enquanto.  

Renault Captur E-Tech

No caso da Renault, a expectativa para 2021 é de vender 350.000 veículos eletrificados, sendo 150.000 carros elétricos e 200.000 híbridos/híbridos plug-in, conforme relatado pelas fontes citadas pela matéria. Como exemplo, a Volkswagen pretende emplacar 1 milhão de carros eletrificados neste ano, sendo 450.000 totalmente elétricos. 

Analistas do banco suíço UBS disseram em um relatório recente que a Volkswagen e Tesla estão se consolidando como líderes no segmento por ampla margem e ainda fizeram uma observação de que as montadoras que venderem menos de 750.000 carros elétricos/híbridos por ano estariam em desvantagem no longo prazo. 

De acordo com o plano estratégico do grupo francês, a meta é que 30% das vendas de carros da marca Renault até 2025 sejam de modelos totalmente elétricos, com outros 35% sendo híbridos ou híbridos plug-in.

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram

Fonte: Reuters

Galeria: Dacia Spring Electric (Kwid elétrico)